Archive | maio, 2010

Vistos: EUA – Mudanças no visto de Turismo

27 maio

Gente, essa é quentíssima e saiu agora à noite: a partir de junho de 2010, o visto americano para turismo volta a ter validade de 10 anos.

Antes era de 10 anos e passou a ser de 5, para tristeza de muitos.

Isto mesmo! Eu fiquei muito feliz porque vou renovar o meu dia 10!  \o/

A taxa também mudou: para agendamento, continua a ser de R$ 38,00; para a entrevista, a taxa administrativa passa de US$ 131,00 para US$ 140,00. Quem já pagou a taxa e marcou a entrevista para os próximos dias deve estar atento. A mudança aconteceu esta semana e, portanto, você deve pagar a diferença. A notícia consta no site do Consulado como: “Caso a taxa de US$131 tenha sido paga antes de 4 de junho, mas sua entrevista tenha sido marcada para a partir desta data, será preciso pagar a diferença em qualquer agência do Citibank, a partir de 31 de maio.”

Mais informações no site do Consulado Americano.

Vistos- Rússia

27 maio

A partir do próximo mês, quem quiser ir à Rússia e ficar por lá até 90 dias estará livre do visto de entrada. Os presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e o da Rússia, Dmitri Medvedev, oficializaram neste mês, em Moscou, o acordo firmado em 2008 para a isenção do visto de entrada. A medida valerá também para os russos que viajarem ao Brasil. A informação é da Agência Brasil.

Para o embaixador do Brasil na Rússia, Carlos Antonio da Rocha Paranhos, a iniciativa vai estimular o turismo nos dois países. “A isenção de visto é muita positiva porque vai incrementar o turismo nos dois países”, disse o embaixador, lembrando que a concessão de visto já é liberada para passaportes diplomáticos e de serviço.

Bacana, não?

Vistos – Visto Americano

17 maio

Meu post de estréia será sobre vistos. Isso porque, basicamente, pra você pensar em sair do lugar (diga-se pra fora do Brasil), você precisa ter 2 coisinhas básicas: passaporte e visto. É claaaro que existem exceções: pra viajar pela América Latina, por exemplo, o passaporte não é exigido; você pode usar sua carteira de identidade, desde que ela seja recente (de 7 anos pra cá) e alguns países desse mundão afora não exigem visto de TURISMO (África do Sul, Andorra, Bahamas e países pertencentes à União Européia – para estes, você pode permanecer no país 30 dias e prorrogar o prazo para mais 30 dias até 2 vezes). Para estudar/trabalhar, precisa de visto sim e, de preferência, passaporte europeu (se você quiser ter um salário decente e trabalhar na sua área). Esse link tem uma tabelinha bacana.

Para os Estados Unidos e Canadá, amiguinhos, a coisa é um pouquinho diferente. Existem vários tipos de visto, os quais permitem diferentes tipos de permanência e números de entradas no país.

Vamos começar então pelo procurado e temido visto americano. Qual eu devo tirar? Simples: o que você vai fazer lá?? Pode parecer uma pergunta idiota, mas depende MESMO do que pretende fazer. Pra ter uma idéia, quando preenchi o formulário para turismo (D-160 – sim, agora os formulários para não-imigrante antigos foram substituídos por 1 só, o D-160, único e mais prático, explico adiante) havia perguntas do tipo “você está indo para os EUA para se prostituir?”, “Já se envolveu em atividades terroristas?”, “Pretende se envolver em atividades ilegais nos EUA, como contravenção?”, “Você está usando calcinha vermelha?”. Tá, a parte da calcinha foi exagero, mas juro que pensei que seria a próxima pergunta…..

Como o nosso caso é o de visto para turismo, é o que vou explicar aqui.

Primeiras coisas a fazer: tirar o passaporte, juntar dinheiro e escolher o destino. Sim, você vai ter que informar pra qual cidade pretende ir. Você pode depois decidir ir pra mais cidades, não tem problema, mas você vai ter que informar pelo menos 1 cidade pra qual deseja ir e quanto tempo pretende ficar. Isso é fundamental. A grande preocupação dos estado-unidenses não é que você entre no país, mas sim que saia dele. Isso mesmo, você pode ir lá, deixar seu rico e suado dinheirinho, numa boa, mas você TEM que PROVAR que você não pretende ficar lá pra sempre e se tornar um imigrante ilegal. Mas como provar??? Documentação. Pode ser comprovante de matrícula, IR, carteira assinada, contrato de trabalho, holerites, contas de luz/telefone, documentação do carro/imóvel, enfim, tudo que comprove o seu vínculo com o seu país. Quanto mais, melhor. Extratos de banco, dos últimos 3 meses, tirado em caixa eletrônico também são exigidos, pra comprovar que não vai morrer de fome nem vender o corpinho lá.

Lembrando que toda a documentação exigida é a do pagante da viagem, ou seja, se seu pai vai pagar (sortudo!), são os comprovantes dele que deve levar. Os seus você leva o que tiver, pois os do pagante é que são os principais.

Tá com o passaporte em mãos? Ótimo, vamos entrar no site do Consulado Americano então.

Eu não vou te ajudar a preencher (aaaaaaaahhhhhh) porque esse blog não é um tutorial para a vida burocrática…e cada caso é um caso também. Mas vou explicar umas coisinhas (eeeeeeeeeeee).

Nesse site você vai encontrar tudo o que precisa: o tipo de formulário, o formulário em si, taxas.

Basicamente, você preenche o formulário e paga uma taxa de R$ 38 para agendar. Pode ser boleto, tranferência…..A ordem também não precisa ser essa, você pode pagar os R$38  antes e preencher depois, susse. Eu sempre faço tudo ao contrário (sabe Deus porquê), então preenchi e depois paguei. Para preencher, você precisa do seu número do passaporte, (por isso falei pra ter ele em mãos). DICA: preencha cada página e SALVE! É sério isso. Eu tive q reiniciar 3 vezes porque ele travava e eu perdia tudo (loira) e isso aconteceu também com outra amiga loira minha….hihihi. Preencha cada página e SALVE. Ai, se você precisar parar e continuar depois, pode fazer o upload do arquivo lá, sem problemas.

Você vai ter que fazer o upload de uma foto sua. A mesma foto terá que levar impressa no dia da entrevista, então capriche! Pouca maquiagem, fundo branco, cabeça reta e um close não muito close, sabe como? Que pegue um pouco acima da sua cabeça até a altura do peito. Decote também não recomendo. Homens: cuidado com camiseta estampada com layouts do tipo “Fuck USA”. FIKDIK.

Depois de preenchido, você vai agendar lá. Você pode agendar em Recife, São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília. Se não mora em nenhuma destas cidades, vai ter que viajar (já vai treinando). Agende, imprima tudo bem bonitinho, (formulário, foto (2 unid) e comprovante de agendamento) pra levar no dia da entrevista. Entendeu porque os formulários de não-imigrante foram unificados?? Porque, além de agilizar o processo, no dia da entrevista vai levar tanto papel que, o que puder ser simplificado, facilita a vida de todos.

Até o dia da entrevista você vai ter que pagar uma taxa de US$ 131 (vai ter que levar comprovante disso também!). E lá dentro vai ter que pagar a taxa do SEDEX (em torno de R$ 50).

Nenhuma das taxas é reembolsável, ou seja, concedendo o visto ou não, você morre com a grana.

Resumão da ópera:

Site aqui.

Taxas : R$ 38 (agendamento) + US$ 131 (taxa de administração do Consulado) + SEDEX.

Documentação do Solicitante: Passaporte com validade mínima de 06 meses; 01 foto 5×5 recente (colorida e com fundo branco); Declaração escolar, se for o caso (ensino regular, faculdade, pós graduação, mestrado ou algum curso que esteja matriculado atualmente). Crianças menores de 14 anos não precisam comparecer na entrevista Consular.

Documentos ORIGINAIS de quem está pagando a viagem: RG e CPF (esse deve ser xerox); Conta de telefone residencial; Extratos bancários dos últimos 02 meses tirados na máquina eletrônica (conta corrente, poupança, investimento, aplicação); Imposto de renda completo com o recibo original de entrega; Carteira de trabalho; 03 últimos contra cheques;  Escritura  ou certidão atualizada de imóvel/ terreno;  Se possuir, documento de automóvel/ moto;  Se for casado (a), certidão de casamento e imposto de renda do cônjuge.

Se for empresário (a): Anexar o contrato social da empresa com a última alteração contratual; Anexar os 03 últimos pró-labores;

Deve-se levar em conta que quanto mais e melhores documentos você levar, maiores as probabilidades de o visto ser aprovado.

É isso!

Espero que tenha sido útil!

Passaporte

13 maio

Várias pessoas já vieram me perguntar se é fácil tirar o passaporte, se é rápido pra fazer, se demora pra chegar… Por isso resolvi fazer este post e tentar esclarecer algumas questões.

Em viagens ao exterior, o passaporte é o seu documento oficial de identificação. Para fazer, é preciso imprimir o formulário ou preenchê-lo on-line no site da Polícia Federal. O requerimento também pode ser encontrado nas papelarias.

Os documentos necessários são:

1. Original da Carteira de Identidade ou Certidão de Nascimento;

2. Original do Título de Eleitor (maiores de 18 anos) e comprovantes que votou nas 2 últimas eleições (ou declaração da Justiça Eleitoral que está quite com as obrigações eleitorais);

3. Certificado de Reservista (para homens de 18 a 45 anos);

4. Para fins de identificação biométrica, o servidor da Polícia Federal procederá à coleta de impressões digitais roladas dos dez dedos do requerente de passaporte, de sua fotografia facial e assinatura, por meio de equipamentos eletrônicos próprios;

5. Comprovante de pagamento da taxa em Reais, conforme tabela das receitas existente na própria guia GRU (Guia de Recolhimento da União);

6. Apresentar o Passaporte anterior, quando houver (válido ou não);

UPDATE

7. Carteira nacional de habilitação expedida pelo DETRAN (modelo atual).

No caso de menor de 18 anos, é preciso uma autorização por escrito dos responsáveis, disponível no site da Polícia Federal. A presença de um deles e do menor é indispensável.

Só é necessário levar 1 cópia de cada documento.

É bom providenciar o passaporte com a máxima antecedência possível para que a burocracia não atrapalhe sua viagem. O documento demora em média 8 dias para ficar pronto, e para retirar é necessário ir até a Polícia Federal para conferir tudo, assinar, tirar digitais e tudo o mais.

Se você já tem o seu, verifique o prazo de validade, pois ele pode expirar durante a viagem. A maioria dos consulados exige, para emissão do visto, passaporte com validade mínima de 6 meses após a viagem. Caso o passaporte esteja vencido, você vai ter que fazer outro, levando todos os documentos novamente e apresentando o passaporte anterior para que este seja cancelado.

Em caso de perda ou roubo, você precisará levar um boletim de ocorrência.

Para maiores informações, acesse este site, tenha paciência para enfrentar a fila e a espera médio-longa, e boa viagem!!

International Friends

7 maio

Aproveitando que a Anna estava falando de Londres, fica dica para quem tiver um dia sobrando no cronograma de viagem e quiser encaixar um passeio para outras partes da Inglaterra.

Existem diversas empresas que oferecem pacotes de viagem, mas como já testei e gostei, recomendo procurar a International Friends. Eles oferecem pacotes turísticos partindo de Londres, Cambridge, Kent, Oxford e Edinburgh. São tours guiados de 1, 2 ou 3 dias, com diferentes preços e roteiros. Eles inclusive fazem um passeio guiado pelas ruas de Londres, toda quinta, às 10h, 14h00 e 18h30, pan pan, de graça!

Entre os roteiros tem Stonehenge, a costa de Wales, Catenbury, Oxford e até Paris, Amsterdã e Bruxelas.

Casa em Stratford Cantenbury

wales

Funciona assim… você entra no site, escolhe quantos dias você quer, partindo de onde e para onde, quantas pessoas, preenche o cadastro e paga no cartão de crédito ou débito (tem que ser internacional). Para compras pela internet não há taxas de reserva, bem sossegado, então dá pra planejar sua viagem antes mesmo de sair daqui! Os preços começam em 49 libras e aí vão até 150, 200… depende do passeio.

Aí você consulta onde são os pontos de encontro – o site te dá todas as instruções, mapinhas, horários. Não esqueça de imprimir e levar o comprovante de pagamento, documentos com seu nome e foto, mapas, instruções, etc. E não perca o horário de saída! Coloca o despertador bem alto, tá?

O que eu fiz percorria Stonehenge, Glastonbury e Avebury, bem Brumas de Avalon… hahaha… O guia era um londrino super simpático e prestativo, o ônibus era confortavel… foi uma viagem bem gostosa, depois falo mais dela especificamente.

Claro, todos esses passeios podem ser feitos por conta, mas pra quem não quer esquentar a cabeça com mais um planejamento, vale a pena!

Chocolat

2 maio

O que a gente sempre escuta sobre a Itália? Que as massas e os sorvetes italianos são ótimos! Já falei da pasta aqui, hoje vou falar do sorvete! Do melhor sorvete de Milão, para ser mais específica.

Confesso que não sou louca por esta delícia do verão, mas pelo sorvete da Chocolat, eu sou. Passeio garantido de dias ociosos ou para final de dia de compras ou apenas um ponto de encontro do pessoal. E digo mais, se você acha que a sorveteria bomba no verão, espere até o inverno chegar… a fila é sempre enorme,  pra fora da lojinha pequena e fofíssima.

Além do sorvete ser uma delícia e por um preço digno, duas bolas custam 2,80 euros, quem está dentro da loja pode comer chocolatinhos o tempo que quiser, com ou sem o sorvete. Cestinhas de chocolate ficam em cima do balcão de café à vontade para os fregueses!!

Meu preferido? Sorvete de canela. Além de que raramente acho este sabor por aqui, o de lá é in-crí-vel! Meus amigos disseram que o de Pistache (que eu não gosto) também é imperdível, bem como o chocolate com laranja e chocolate com gianduia. Ok, tem o chocolate meio amargo que é ótimo e o de frutas vermelhas que é fantástico… e bom… todos os sabores são ótimos! Quem vai uma vez, volta com certeza!

E como boa designer gráfica, sou apaixonada pela comunicação visual da sorveteria. Acho a logo a coisa mais fofa do mundo! Uma vaca meio quadrada gorda com uma cara amiga, além de tudo na micro lojinha ser super bonitinho! Tenho um guardanapo guardado até hoje.

A Chocolat fica na Via Boccaccio, 9. Saindo da estação Cadorna pela entrada principal, pegue a rua da direita e siga subindo a rua (lado direito). A sorveteria fica a uma quadra e meia dali, do lado esquerdo da rua. Vai ser fácil achar, o movimento ali é sempre grande!!

Eeeee… tenho uma ótima notícia caso não dê pra ir a Milão experimentar o sorvete… por um acaso abriu a “Empório Chocolat” aqui em Curitiba! Claro que antes de postar fui conferir, e  é da mesma família!! O dono é um italiano super simpático que fica no caixa e faz os sorvetes. Ele me contou que a receita daqui ainda não está 100% igual a de lá porque o leite é um pouco diferente, mas que estão trabalhando nisso! Diferente da loja milanesa, a daqui é bem grande e a logo é uma vaquinha um pouco diferente. Não precisa ser gênio pra saber que o sorvete que tomei foi o de canela, calááááro! Achei digno e bem igual ao sabor milanês! Vou virar freguesa com certeza!!

A Empório Chocolat fica na R. Teixeira Coelho, 430 no Batel, bem em frente ao Hospital Evangélico.